Sagrado Feminino

Sagrado Feminino

A energia Feminina não está somente nas mulheres, está presente em todos os seres, é a frequência do sentir, da compaixão, do carinho, da intuição, da criatividade, frequência importante para os momentos atuais da Terra, pois o feminino está se equilibrando novamente com a energia masculina, energia do foco, do direcionamento, da lógica, polaridade que utilizamos com facilidade.

Nesta nova era, era do equilíbrio, estamos saindo do momento de patriarcado onde a energia feminina foi reprimida, “não chore, seja forte, não sonhe”. Estamos liberando as couraças dos sentimentos reprimidos, e voltando a estabelecer completude energética, onde o ser humano, é racional e sensorial, utilizando todas as faces do seu ser, com integração e sem repressão, compreendendo seu poder e sabendo lidar com suas vertentes em vez de esconder.
O corpo da mulher é propício para sentir a energia feminina, desde os hormônios, estrutura corporal, o dom de gerar a vida e nutrir. Neste momento de um novo sentir, as mulheres estão se encontrando, para compartilhar sabedorias, se olhando, se cuidando, se unindo, se nutrindo, se empoderando, curando o sofrimento criado pelo patriarcado, desafogando as emoções reprimidas e gerando a cooperação, para auxiliar no processo do florescer e ancorar a energia feminina na humanidade.
Esse encontro com nossa essência criativa, começa quando resgatamos nosso elo, quando ouvimos nosso coração, de dentro para fora. Existem rituais de mulheres sábias, que nos auxiliam nessa jornada, mas é importante lembrar que escutando as irmãs, escutando as avós, as mães, as filhas, as amigas e vizinhas, já temos sabedoria e apoio para nos nutrir e evoluirmos juntas e juntos também.
Nós somos os frutos de muitas culturas, e hoje podemos acionar essa sabedoria milenar e mundial, afinal a Terra já passou por momentos Matriciais (a mulher sendo reconhecida pela benção de gerar a vida e a energia feminina acolhida) e também matriarcais e patriarcais (onde houve domínio de algum lado da polaridade, por medo, ou controle).
Neste tempo onde libera-se o medo de sentir, o medo de se expressar, é importante ser confiante e confiável, para expressar sabedorias e lidar da melhor e mais elevada maneira com o corpo feminino, facilitando o sentir e a expressão, ancorando o Sagrado Feminino na Terra e em nós mesmas, nesta linda flor da vida.